ANJOS E DEMÔNIOS

É impossível sentir segurança na forma pela qual os nossos destinos estão sendo conduzidos.

Nos últimos dias tentando esquecer os Bolsonaros, Mandetas e Moros tive alguma esperança quando vi reflexões do governo sobre a elaboração de um plano de recuperação econômica e social pós pandemia.

A alegria durou pouco pois em alguns dias novamente passamos a viver entre anjos e demônios.

A ala militar junto com os Ministérios da Infraestrutura e o do Desenvolvimento Regional anunciam oficialmente um plano que amplia o gasto público por meio de obras de infraestrutura e imediatamente o Ministério da Economia vem a público criticar a proposta pois defende que o motor da retomada deve ser o setor privado pois falta espaço fiscal para investimentos via recurso públicos.

Tentando deixar tudo isto de lado, volto ao nosso setor de saneamento e acredito que temos a oportunidade de propor um modelo de negócio que desenvolva um mercado de alta performance. Fundos de investimentos atraídos por taxas de retorno de dois dígitos, novos grupos empresariais ligados a construção civil, e foco nos municípios com PPPs em esgoto.

Seria um bom exemplo do nosso setor propor um modelo de retomada que deixe claro que a partir de uma consciência cidadã não existem nem anjos nem demônios.

Previous Post
Newer Post

At vero eos et accusamus et iusto odio digni goikussimos ducimus qui to bonfo blanditiis praese. Ntium voluum deleniti atque.

Melbourne, Australia
(Sat - Thursday)
(10am - 05 pm)